O Dia da Independência é um feriado nacional celebrado no Brasil em 7 de setembro. Este feriado comemora a proclamação da independência do Brasil feita dia 7 de setembro de 1822 em São Paulo.

História da Independência do Brasil

Desde o século XVI, os portugueses se instalaram na América do Sul e fizeram do Brasil a sua principal colônia. A colônia próspera e com muitas possibilidades. Em 1808, a família real portuguesa, impulsionados pelo exército francês do Imperador Napoleão, foram forçados ao exílio no Brasil. Depois de 1815 e a abdicação de Napoleão, a estabilidade política europeia está  sendo retomada e,   gradualmente,  os nobres portugueses estão voltando para a Europa. Em 1821, D. João VI, após 13 anos de exílio no Brasil, decide regressar a Lisboa. Antes de partir para Lisboa, o rei de Portugal nomeou seu filho mais velho Pedro I, regente do Brasil.

Quando o rei voltou a Lisboa, a corte portuguesa decidiu construir uma nova constituição para fortalecer ainda mais a integridade nacional portuguesa e reduzir o Brasil à categoria de colônia. Dom Pedro I foi chamado para voltar a Portugal, porém o povo se juntou e pediu para que ele ficasse, ao que ele respondeu: « Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, estou pronto! Diga ao povo que eu fico! « .

Uma comitiva foi enviada ao Brasil para buscar Dom Pedro, o mesmo enfurecido e diante dos portugueses, Dom Pedro proclamou a independência do Brasil, às margens do rio Ipiranga, perto da cidade de São Paulo. Seu famoso grito naquele dia, « Independência ou morte! Ficou conhecido como o  » grito do Ipiranga « ! Dom Pedro I tornou-se, aos 24anos, o  » Imperador constitucional e defensor perpétuo do Brasil, pela graça de Deus e a aclamação unânime do povo. »

Apenas as províncias do Sul e Minas Gerais, aceitam Dom Pedro I. O acolhimento da notícia nas outras cidades ocorreu após sua coroação. Apenas em 1823,  as regiões de Goiás, Mato Grosso, Bahia, Maranhão e Pará, muito leais a Lisboa, concordam com o novo Império.

Guerra da Independência do Brasil

Após a recusa de Dom Pedro I para voltar a Portugal (no Dia do Fico, em janeiro de 1822), a guerra de independência surgiu. Depois de inúmeras batalhas terrestres e marítimas, que se opõem ambas as forças populares e milícias armadas, a guerra de independência terminou em 1823 de novembro, quando os últimos soldados portugueses presentes no Brasil deixam o país. As tropas portuguesas saem da Bahia em 2 de julho 1823 e de Maranhão em 1 de agosto, no Pará e Montevidéu no dia 29 de novembro 1823.

Bandeira Brasileira

A primeira bandeira da Brasil data de 1822, quando foi  declaração a independência do Brasil. Ela foi criada pelo pintor francês Jean-Baptiste Debret. Originalmente cores verde e amarela representam as cores de famílias reais que governaram o Brasil. Essas cores assumiram um novo significado com o tempo e agora representam as riquezas do Brasil:  o branco significa o deseja pela paz, o azul significa os céus e rios do Brasil, o amarelo são as riquezas, o verde são as matas e florestas brasileiras.

Hino da Independência do Brasil

O hino  do Brasil foi declarado oficial apenas 1971, a música composta por Francisco Manuel da Silva em 1822 foi adotada pelo povo brasileiro por um longo tempo. Em 1831, Dom Pedro I decidiu abdicar, e a música foi escolhida para comemorar este evento histórico. Ela foi chamada de « Marcha Triunfal » e celebra a independência do país. Foi neste momento em que os brasileiros adicionam as palavras. Mas foi alterada  em 1841, na coroação de Dom Pedro II. A canção é então intitulada Hino Nacional do Brasil, embora ainda não oficial.

Uma longa história para esta música, que evolui de acordo com os movimentos políticos do país. Quando a República foi proclamada em 1889, o governo lançou uma competição com compositores para encontrar um novo hino. No entanto, a música vencedora não agrada os brasileiros, o descontento cresce e o presidente Deodoro da Fonseca anuncia o oficial Hino Nacional composto por Francisco Manuel da Silva. Em 1909, um novo concurso foi lançado para encontrar palavras que acompanhassem melhor a música. É Joaquim Osorio Duque Estrada que ganha: o texto reflete o orgulho que os brasileiros têm pelo seu país. Mas temos de esperar para a celebração do centenário da Declaração de Independência do Brasil (1922) para que o hino seja oficializado. Esta é a versão final do hino que ainda está em vigor.

Hino Nacional Brasileiro

Ouviram do Ipiranga as margens plácidas 

De um povo heróico o brado retumbante,
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos, ,
Brilhou no céu da Pátria nesse instante.
Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte, 

 Em teu seio, ó Liberdade, , 
Desafia o nosso peito a própria morte !

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve ! Salve !

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce,
Se em teu formoso céu, risonho e límpido,
A imagem do Cruzeiro resplandece.

Gigante pela própria natureza,
És belo, és forte, impávido colosso,
E o teu futuro espelha essa grandeza

Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada !

Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil !

Comemorações da Independência do Brasil

No Distrito Federal e em outras grandes cidades, como Goiás e Bahia, acontecem desfiles cívico-militar, com uma cerimônia para o hasteamento da bandeira e o hino nacional, com direito a fogos de artifícios. O Presidente da República pode fazer um discurso para todos os brasileiros assistirem de suas casas.

Em que dia é este ano o Independência do Brasil ?

Para nao faltar os preparativos para celebrar esse dia importante da Independência do Brasil, nos deixamos-te este calendario oficial para cada ano.