No dia 29 de Junho é comemorado o dia de São Pedro, ou, como é formalmente conhecido: a Festa de São Pedro e São Paulo. A memória dos dois santos apóstolos, Pedro e Paulo, é relembrada e festejada no dia de São Pedro em todo o Brasil

O dia de São Pedro e São Paulo é feriado estadual em 2 estados no Brasil : Rio Grande do Norte e Alagoas.

No mês de junho, a Igreja celebra a festa de três grandes santos: Santo Antônio (dia 13), São João Batista (dia 24) e São Pedro (dia 29). Essas festividades, trazidas para o Brasil pelos colonizadores portugueses, ficaram popularmente conhecidas como Festas Juninas.

Calendario Feriados Brasil conta a origem do dia de São Pedro, seu significado e como é comemorado no Brasil.

dia são pedro e são paulo brasil

Quem foi São Pedro?

Primeiro bispo de Roma, São Pedro é considerado pela Igreja como o primeiro papa da história, protetor dos pescadores e das viúvas. Ele foi apontado por Jesus como seu sucessor: “Você é Pedro e sobre esta rocha edificarei minha Igreja”.

Antes de encontrar Jesus, que o chamará Cefas – “Pedro” em aramaico -, Simão (nome original de Pedro) é apenas um pescador no lago Genesaré, ao norte de Jerusalém. Sensível às correntes messiânicas que atravessaram o judaísmo, ele freqüentou o círculo de João Batista antes de encontrar Jesus de Nazaré. Abandonando sua vida como pescador e sua família, ele decidiu segui-lo e tornou-se o principal dos doze apóstolos. Durante a vida pública de Jesus, ele teria testemunhado todos os seus feitos importantes, milagres e Transfiguração. Na prisão de Jesus, Simão Pedro o negou três vezes, fingindo não reconhecê-lo. Após a crucificação, na manhã de Páscoa, ele é o primeiro a ver o túmulo vazio após a passagem das mulheres.

No início, Pedro lidera a comunidade cristã na Palestina antes de dar lugar ao irmão (ou meio-irmão) de Jesus, Tiago. Diferentemente do último, ele é bastante a favor de acolher gentios, não judeus, uma idéia defendida por Paulo. Ele então começou seu apostolado na Palestina e na Ásia Menor. Colocado na prisão por Herodes, ele é libertado por um anjo.

Em 44, partiu para Roma, onde organizou a Igreja Romana da qual seria o primeiro bispo. Em um primeiro movimento, ele teria fugido de seu martírio. Mas em sua fuga, ele teria encontrado Cristo carregando sua cruz e indo em direção a Roma. Para a pergunta “Para onde vais, mestre?” (Quo vadis, domina), Cristo teria respondido que ele seria crucificado uma segunda fé desde que ele estava desfilando.

Reencontrando sua fé, Pedro retorna a Roma e pede para ser crucificado de cabeça para baixo, por humildade, para não morrer como Cristo. colocamos sua morte em 64 ou 67.

Primeiro papa e guardião dos céus

O santo, considerado o príncipe dos apóstolos, foi o primeiro papa da Igreja Católica. De acordo com a tradição religiosa, Pedro negou Cristo três vezes pouco antes da morte do Messias. Mas arrependeu-se e pediu que fosse crucificado de cabeça para baixo, já que não julgava-se digno de morrer como Jesus. 

Ele também é considerado o guardião das chaves do Céu. Em uma passagem do Evangelho de Mateus, Jesus diz a Pedro: “Eu te darei as chaves do reino dos céus e o que ligares da Terra será ligado aos céus”. Essa é a explicação para o título de “porteiro do céu”.

Além disso, a postura física de São Pedro, na maioria das imagens, é representada com a figura do santo olhando e apontando para cima. Esse é outro símbolo de que sua missão na terra é a de conduzir a Igreja para o céu. Missão que continua através de todos os papas, seus sucessores legítimos.

Venerado como o porteiro do céu, ele é invocado como padroeiro da longevidade, além do santo responsável pelas trovoadas com raios e trovões.

Quem foi São Paulo ?

São Paulo, conhecido como Paulo de Tarso, nasceu em Tarso na Cilícia. Era judeu e cidadão romano. Perseguidor das primeiras comunidades cristãs, foi conivente com o assassinato do protomártir Estêvão. Quando perseguia os cristãos, a caminho de Damasco, teve uma visão de Jesus envolto em uma luz incandescente que o cegou, durante três dias. Desde então converteu-se e começou a pregar o Cristianismo, viajando pelo mundo, pregando o evangelho de Jesus Cristo e o mistério de sua paixão, morte e ressurreição.

São Paulo, Apóstolo (5-67) foi um escritor do cristianismo primitivo. Treze epístolas do Novo Testamento são atribuídas a ele. Foi o maior propagador do cristianismo depois de Cristo. 

Origem do dia de São Pedro e São Paulo

A origem da celebração do dia de São Pedro tem 3 hipóteses.

A primeira hipótese diz que é o aniversário da morte dos apóstolos, Pedro e Paulo, ocorrida no dia 29 de Junho de  64 d.C. São Pedro e São Paulo foram perseguidos por sua fé, tornando-se mártires. São Pedro foi morto crucificado. A seu pedido, foi colocado de cabeça para baixo, pois se julgava indigno de morrer como Jesus Cristo, seu Senhor. São Paulo, por ser cidadão romano, não podia ser crucificado. Por esta razão, morreu decapitado.

A segunda hipótese diz que a festa de São Pedro seria a cristianização de um culto pagão a Remo e Rômulo, os mitológicos fundadores pagãos de Roma. No dia 29 de Junho se praticava o culto pagão aos irmãos Rômulo e Remo.

São Pedro e são Paulo não fundaram a cidade, mas são considerados os “Pais de Roma”. Embora não tenham sido os primeiros a pregar na capital do império, com seu sangue “fundaram” a Roma cristã. Os dois são considerados os pilares que sustentam a Igreja tanto por sua fé e pregação como pelo ardor e zelo missionários, sendo glorificados com a coroa do martírio, no final, como testemunhas do Mestre.

São Pedro é o apóstolo que Jesus Cristo escolheu e investiu da dignidade de ser o primeiro papa da Igreja. A ele Jesus disse: “Tu és Pedro e sobre esta pedra fundarei a minha Igreja”. São Pedro é o pastor do rebanho santo, é na sua pessoa e nos seus sucessores que temos o sinal visível da unidade e da comunhão na fé e na caridade.

São Paulo, que foi arrebatado para o colégio apostólico de Jesus Cristo na estrada de Damasco, como o instrumento eleito para levar o seu nome diante dos povos, é o maior missionário de todos os tempos, o advogado dos pagãos, o “Apóstolo dos Gentios”.

São Pedro e são Paulo, juntos, fizeram ressoar a mensagem do Evangelho no mundo inteiro e o farão para todo o sempre, porque assim quer o Mestre.

A terceira hipótese fala que o dia de São Pedro foi definido porque é o dia do translado das relíquias dos santos das catacumbas na Via Ápia até a Basílica de São Paulo Extra-Muros, em Roma.

Significado do dia de São Pedro e São Paulo

O Dia de São Pedro tem 2 significados para brasileiros. Uma parte do povo brasileiro presta homenagem ao mestre dos céus e do mar, esperando um ano rico e generoso. E, paralelamente, todos os cristãos prestam homenagem ao pai da Igreja Católica e aos sacrifícios que ele fez para difundir o cristianismo.

São Pedro : mestre dos céus e do mar

São Pedro é muito querido e é considerado, por muita gente, o santo que controla o tempo. Mas o curioso é que ele não é o santo protetor dos meteorologistas. São Pedro foi o primeiro apóstolo de cristo e, como era pescador, virou o protetor de quem tira o sustento do mar e dos rios. 

Alguns dizem que, por controlar ‘as portas do céu’, São Pedro é o responsável pelas chuvas, outros, que ele é o padroeiro dos pescadores, dos papas e ligado até mesmo a devoção dos viúvos. Considerado um dos pilares fundadores da igreja católica, São Pedro é na realidade o santo considerado mais semelhante a imagem humana.

São Pedro : pai da Igreja Católica

Nomeado primeiro papa do mundo, São Pedro, chamado Simão, foi nomeado por Jesus depois de se tornar um dos 12 apóstolos.

Depois de Pentecostes, Pedro passou a ser um evangelizador por todos os lugares onde passava. Sua autoridade como o líder da Igreja nascente sempre foi respeitada e atestada por vários documentos da Igreja. Nunca foi questionada. De fato, São Pedro assumiu as chaves da Igreja e seus sucessores, os Papas, são continuadores de sua autoridade e de sua missão dada pelo próprio Jesus cristo.

Conta-se que Pedro viveu muitos anos após a morte de Jesus Cristo e que dedicou sua vida à pregação das palavras de seu mestre por todo o Império Romano. Por esse motivo e também devido à sua proximidade com Cristo, ele é considerado fundador da Igreja Católica Romana e o primeiro papa. A força espiritual e institucional de Pedro exerceu uma importância tremenda na formação da Cristandade.

Em homenagem ao trabalho de São Pedro, a Igreja Católica na criação do dia do papa em 29 de junho. Esta data religiosa em o propósito de homenagear o trabalho do líder da Igreja Católica Apostólica Romana: o Papa.

Comemoração do dia de São Pedro e São Paulo

Nas tradições do catolicismo popular, principalmente o brasileiro, o dia de São Pedro é comemorado com fogueira, fogos de artifício, comidas típicas, quadrilha e os demais componentes das festas juninas.

Como São Pedro é padroeiro dos pescadores, as cidades costeiras do país quase sempre têm uma capela em sua homenagem, o que também contribui para a popularização da festa.

Se você quer viver o fervor da festa de São Pedro e São Paulo, você encontrará abaixo a lista das principais cidades que organizam festas para o dia de São Pedro.

Festas de São Pedro da Afurada

Com os trajes tradicionais, os pescadores carregam santos numa procissão marcante, enquanto os barcos que atracam na ribeira do Douro são abençoados.

A Ponte da Arrábida, que liga Vila Nova de Gaia ao Porto, presta um hipnótico espectáculo pirotécnico a que chamam Cascata de Fogo, uma espécie de fogo de artifício invertido, sob o tabuleiro da ponte.

Festas de São Pedro da Póvoa

Duram cerca de uma semana, como aliás a maioria das restantes.

Na Póvoa do Varzim, há cortejo de usos e costumes, missas, concertos e arruadas. Habitualmente faz-se uma procissão que homenageia os três santos juninos principais: São Pedro, São João e Santo António.

Destaca-se a Inauguração dos Tronos, feita por seis bairros distintos do município que competem pelo prémio de trono mais belo.

Festas de São Pedro do Montijo

Habitualmente, inicia-se com uma oferenda a São Pedro – flores são dedicadas à sua estátua. – e o hastear de bandeiras. Nos dias posteriores, fazem-se largadas e corridas de toiros, não estivéssemos nós no Ribatejo. Pela manhã organizam-se constantemente Alvoradas com a ajuda do som imbatível dos morteiros. Há também procissão nocturna.

E evidencie-se a Queima do Batel, que embora não tenha a popularidade de outros tempos, distingue-se como um momento único: um barco que é queimado, numa ode similar às fogueiras ao sol que se fazem na noite de São João.

Festas de São Pedro do Seixal

Tem marchas populares ao jeito de Lisboa e realça-se uma que tem anos de história: a Marcha das Canas, que junta os sobreviventes à madrugada de 28 de Junho e os leva ao lavar da cara, normalmente de toalha branca ao ombro.

Festas de São Pedro de Macedo de Cavaleiros

Longe do Atlântico também há São Pedro. Em Macedo de Cavaleiros há disputa de concertinas e concertos pela noite. Durante a tarde, pairam arruadas todos os dias.

Oração a São Pedro

Selecionamos para você uma oração dedicada a São Pedro que o ajudará a muitos propósitos, seja para protegê-lo contra danos ou para conseguir um emprego que atenda a todas as suas necessidades.

Glorioso São Pedro, creio que vós sois o fundamento da Igreja, o pastor universal de todos os fiéis, o depositário das chaves do Céu, o verdadeiro vigário de Jesus Cristo; eu me glorio de ser vossa ovelha, vosso súdito e filho. Uma graça vos peço com toda a minha alma; guardai-me sempre unido a vós e fazei que antes me seja arrancado do peito meu coração do que o amor e a plena submissão que vos devo nos vossos sucessores, os Pontífices romanos.

Viva e morra como filho vosso e filho da Santa Igreja Católica Apostólica Romana. Assim seja.

Ó glorioso São Pedro, rogai por nós que recorremos a vós. Amém. 

Lendas de São Pedro

Como sua presença na tradição oral portuguesa e brasileira é constante, não poderamos deixar de citar algumas crendices que são atribuídas ao são Pedro. Quando começa a trovejar, por exemplo, as crianças sempre ouvem dizer que “é a barriga de São Pedro que está roncando” ou que “São Pedro está mudando os móveis do céu de lugar”.

Quando chove pesado, “é São Pedro que está lavando o chão do céu”!

Porém, em nossa opinião, o título mais legal atribuído a São Pedro, depois de protetor das viúvas (claro!) é o de porteiro do céu. Está no imaginário popular, que o santo tem as chaves que abrem as portas do paraíso e que é com ele que a gente vai ter que conversar para ver se conseguemos entrar.

Então é bom começar a agradar o santo para não correr o risco de ser barrado.

Qual é a data do dia de São Pedro e São Paulo ?

Para não faltar os preparativos para celebrar esse dia importante do dia de São Pedro , nos deixamos-te este calendário oficial para cade ano.

Dia de São Pedro 2015 : Segunda-feira, 29 de Junho 2015

Dia de São Pedro 2016 : Quarta-feira, 29 de Junho 2016

Dia de São Pedro 2017 : Quinta-feira, 29 de Junho 2017

Dia de São Pedro 2018 : Sexta-feira, 29 de Junho 2018

Dia de São Pedro 2019 : Sábado, 29 de Junho 2019

Dia de São Pedro 2020 : Segunda-feira, 29 de Junho 2020